fbpx

O SAP é para pequenas empresas?

Essa é a pergunta muito frequente que respondemos aqui todos os dias. Indo direto ao ponto, eu respondo que talvez. Vamos lá!

Em termos gerais primeiro uma separação a nível de produto, a SAP possui dois tipos de ERP, um o SAP 4/Hana indicado para médias e grandes empresas e o outro, que vamos explorar aqui, o SAP Business One, indicado para PME’s.

Primeiro é uma questão conceitual. A SAP chama de pequenas empresas, o que, para nossa realidade, é um pouco diferente. Aqui no Brasil temos classificações de empresas como ME, MEI, EPP, além de enquadramento pelo simples nacional (Teto de R$ 4,8 milhões anual), pela minha experiência, não são empresas ideais para implementar o SAP Business One.

Digo isso porque existem soluções mais simples, com menos exigências de processos. Softwares como o Fenícia ERP, Bling, Conta Azul, são mais indicadas para esse tamanho de empresas. Seus processos de emissão de nota fiscal, entrada de mercadoria, controle de estoque e finanças, são normalmente mais simples. Isso porque não exigem por exemplo um plano de contas contábil para estar vinculado a movimentação, nem possuem processos de workflow ou autorizações, para dar apenas dois exemplos técnicos.

Mas então o SAP é só para médias e grandes empresas?

Definitivamente não. Vou dar alguns exemplos práticos. Temos vários clientes com faturamento entre R$ 6mi a 10mi/ano, com 2 a 5 usuários rodando perfeitamente com o SAP Business One. São projetos que normalmente tem um investimento em serviço de implementação na casa dos R$ 25.000 a R$ 50.000, e mensalidade de R$ 1.800 a R$ 4.000/mês (incluindo o licenciamento, nuvem, add-ons e suporte, tudo!) Factíveis para empresas com esse faturamento.

Do outro lado da mesa, temos empresas com faturamento na casa de R$ 1bi/ano, rodando perfeitamente com o SAP Business One. Nesse ponto o produto evoluiu muito nos últimos anos, fazendo inclusive frente às soluções ERP tradicionais da SAP para grandes empresas. (Mais isso é assunto para outro artigo: Migração para o SAP S/4 Hana)

Então qual é o tamanho e o segmento Mínimo para o SAP Business One?

Eu diria que empresas de Serviço, Indústrias e Distribuidores, com faturamento acima de 6mi/ano. Para empresas Varejistas com faturamento acima de 12mi/ano, entendo como ideal mínimo.

Mas a questão aqui não é só o faturamento. Além é claro da capacidade de investimento do cliente, que começa na faixa de R$ 25k a R$ 50k como dei no exemplo acima, a empresa pode ter expectativa de escalar rapidamente seu negócio, e não quer ter os problemas de trocar de software quando isso acontecer. Ou tem processos e exigências que são melhores administradas com o SAP Business One.

Em resumo é a capacidade de investimento do cliente, e seu planejamento de médio prazo.

Quais áreas são atendidas com o SAP Business One?

As áreas atendidas pelo SAP Business One são:

  • Contabilidade e finanças;
  • Compras e operações;
  • Vendas e prestação de serviços;
  • Inventário e distribuição;
  • Produção e MRP;
  • Gerenciamento de projetos e recursos;

Quais segmentos o SAP Business One atende?

Os segmentos mais comuns para o SAP Business One são:

Considerando avaliar o SAP Business One para seu negócio? No material abaixo tiramos essas e outras duvidas.
Ou se preferir entre em contato conosco. 


business one, pequenas empresas, PME's, SAP


Marcos Leite

Cofundador da Falcora, Head de Marketing & Vendas e Diretor da área de Projetos de implementação dos Sistemas de Gestão ERP.

Deixe um comentário

Soluções Inteligentes, Lucros Rápidos.

Suporte Técnico humanizado por Telefone, E-mail e WhatsApp

Atendimento 24x7 para emissão de Cupom ou Nota Fiscal

Atualizações Tecnológicas e de Legislação Fiscal.

Melhores praticas de gestão de processos e integrações

Área de Treinamentos e Cursos.

© 2022 Falcora. Todos os direitos reservados.

%d blogueiros gostam disto: